Open/Close Menu Farmácia de Manipulação em Porto Alegre

Quem pratica exercícios sabe muito bem da importância do alongamento muscular antes de iniciar o treino. Essa prática traz muitas vantagens para o seu organismo e ajuda a prevenir lesões durante a prática de exercícios. Mas você sabia que os benefícios do alongamento muscular vão muito além da preparação para realizar exercícios físicos?

Até mesmo pessoas que não tem o hábito de treinar ou praticar grandes esforços físicos podem se beneficiar muito introduzindo o hábito do alongamento muscular no seu dia a dia. Confira a seguir as principais vantagens dessa prática para a nossa saúde.

 

Faz bem para a postura

Um dos principais benefícios do alongamento muscular é a sua influência na boa postura. Ao realizar um alongamento, o seu corpo fica mais esguio, o que previne a formação de uma postura mais encurvada.

 

Benefícios para a circulação sanguínea

Outro grande benefício do alongamento muscular está na sua ação na circulação sanguínea. Um bom alongamento após seu corpo ficar parado na mesma posição ajuda seus membros a relaxarem, o que faz com que sua circulação sanguínea volte a funcionar normalmente.

 

Aquecimento muscular

A vantagem mais conhecida do alongamento muscular é, provavelmente, sua ação para preparar e aquecer os músculos antes do exercício físico. Essa prática é fundamental para realizar seu treino de forma mais saudável, evitando lesões e otimizando o seu desempenho durante o esforço físico.

 

Após a atividade física

Além de ser fundamental realizá-lo antes da atividade física, o alongamento muscular também deve ser aplicado após finalizar seus exercícios. Depois de todo esforço realizado durante os exercícios, o alongamento muscular ajuda o seu corpo a relaxar, o que previne as dores e desconfortos tão comuns após a atividade física.

 

Combate a osteoporose

Por fim, você sabia que o alongamento muscular pode prevenir a osteoporose? Durante essa atividade, mais estímulos são enviados ao esqueleto, o que favorece a absorção e fixação do cálcio no organismo, o que mantém os ossos resistentes por mais tempo.